Home Escola Civitas Proposta

Links

Links recomendados:
MPPU Internacional
Movimento Politico Per L'unitá
MPPU Alemanha
Forum Politik und Geschwisterlichkeit
MPPU Argentina
Movimiento Políticos por la Unidad
EdC
Economia de Comunhão
Instituto Sophia
Instituto Universitário Sophia
Focolares
Movimento dos Focolares Brasil
Chiara Lubich
Centro Chiara Lubich
Igino Giordani
Centro Igino Giordani
Cidade Nova
Editora Cidade Nova
RUEF
Rede Universitária para o estudo da Fraternidade
Fraternidade
Olhar Fraternidade
Proposta PDF Imprimir E-mail

A Escola Civitas de Formação Social e Política para Jovens, sendo expressão do Movimento Político pela Unidade, constitui-se numa iniciativa que busca promover a cultura política da fraternidade entre as novas gerações.

O objetivo do Movimento Político pela Unidade é a valorização da fraternidade como caminho viável para a realização do conjunto dos ideais da política moderna: Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

Em um cenário como o brasileiro, reconhecidamente constituído por contrastes e desigualdades, a política em seu sentido mais amplo de participação na vida da polis e de conseqüente conquista da cidadania, coloca-se como um instrumento efetivo da construção de uma sociedade em que a fraternidade seja o elo fundamental das relações sociais.

As perguntas que surgem são: que Brasil nós temos? Qual é o Brasil que queremos? Essas perguntas nos levam a olhar necessariamente para a realidade de nossa juventude.

No Brasil, hoje, o jovem está sujeito a diferentes problemas como o analfabetismo, o trabalho precário, o narcotráfico, a prostituição, o crime organizado, o aumento desenfreado da violência, entre outros. O Brasil ostenta, por exemplo, um índice de mortalidade juvenil bastante expressivo. Há entre a população jovem masculina, 210,8 mortes por cem mil habitantes. A sensação de insegurança no presente e as incertezas quanto à vida futura levam o jovem brasileiro, a estar nos primeiros lugares no ranking do pessimismo, segundo pesquisa da UNICEF. O agravamento das condições de vida - aumento da pobreza, concentração de renda, desenvolvimento desigual, num quadro de crescente instabilidade, contribui para o aumento da falta de esperança entre os jovens.

Diante desse quadro, é premente agir para que a juventude conserve seu otimismo e aprimore sua capacidade e seu entusiasmo em comprometer-se com o progresso da vida em sociedade. Uma vez que para transformar a realidade é necessário conhecê-la, a criação de uma escola de formação política para jovens poderá contribuir para despertar neles a consciência da importância da participação pessoal na vida política, visando à construção de uma sociedade justa e fraterna, a partir da vivência no seu meio mais próximo: a cidade.

Surge, então a Escola Civitas de Formação Social e Política.

METODOLOGIA

As atividades da Escola Civitas desenvolver-se-ão a partir da vivência da fraternidade entre estudantes, professo-res, monitores, membros do MPPU e pessoal da organização da Escola.

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

A Escola de Política terá a duração de dois anos com quatro módulos temáticos. Cada módulo corresponderá a um semestre, totalizando um curso de 180 horas-aula.

As turmas serão formadas por, 20 jovens, preferencial-mente residentes na cidade em que se realizará o curso. Cada turma será acompanhada por, no mínimo, dois monitores.

Esses grupos receberão os materiais de estudo e os roteiros de atividade elaborados pelo corpo docente, estabecendo, via internet, um canal de comunicação para eventuais esclarecimentos e comunhão de experiências.Os materiais de estudo serão compostos de:

1 - Aulas-texto com um guia de leitura de uso obrigatório para favorecer a compreensão do tema;

2 - Recursos complementares: vídeos didáticos, registros de experiências pessoais e comunitárias, conferências e outros meios que permitam enriquecer o acesso aos conteúdos.

PÚBLICO ALVO

A Escola dirige-se aos jovens entre 16 e 29 anos, de quaisquer convicções políticas e religiosas e de todas as categorias sociais, que buscam comprometer-se no campo social, político e econômico, visando à construção de uma sociedade justa e unida.